Penápolis, Quinta-Feira, 18 de Abril de 2019
Folheie o jornal
Dicas de Segurança

03/03/2012
Tamanho da letra
A-
A+

Os celulares como ferramenta de segurança

 

     As inovações tecnológicas, tem como principal função melhorar ou facilitar de alguma forma a vida das pessoas. Um aparelho que a partir da década de 90 começou a fazer parte da vida das pessoas, tornando-se popular principalmente em meados do ano 2000, quando passou a atingir todas as classes sociais foi o telefone celular.

      A atual tecnologia de alguns aparelhos, permite o uso de GPS e de internet, agregando aos telefones celulares uma imensidão de utilidades, que ajudam as pessoas a se localizar e encontrar caminhos, podendo ainda rastrear automóveis e outros aparelhos.

      No inicio a principal vantagem que o aparelho trouxe para a segurança das pessoas foi a possibilidade de acionar a Polícia de imediato, e de qualquer lugar. Mas como todos já sabem não se pode falar ao celular quando se dirige, pois o motorista diminui a sua atenção no trânsito, aumentando o risco de acidentes, tanto que atualmente já começaram a surgir algumas ferramentas que evitam o uso incorreto do celular ao volante, veja abaixo a matéria extraída do site do Denatran.

      O Ministro Aguinaldo Ribeiro (Ministério das Cidades) anunciou o lançamento em fevereiro do aplicativo para telefones celulares “Onde tem táxi aqui?”. A ferramenta apresenta ao usuário, caso ele beba, o endereço e o telefone do ponto de táxi mais próximo. Em dez dias disponível, foram efetuados 8.933 downloads.

      Outro aplicativo lançado este ano tem o objetivo de auxiliar na segurança do trânsito. O “Mãos no Volante” é uma ferramenta disponível para smartphones que evita o atendimento indevido de ligações e informa os remetentes com mensagens automáticas. Ao baixar o aplicativo na loja virtual, o motorista não poderá atender o celular enquanto estiver dirigindo, pois o aparelho não irá tocar. As pessoas que ligarem ou enviarem mensagens de texto, perceberão que a ligação será cancelada e na sequência receberão uma mensagem informando que o destinatário está ao volante. O motorista poderá checar as ligações recebidas no final da viagem.

      Conforme consta no site https://market.android.com, o aplicativo Mãos no Volante foi desenvolvido pelo Ministério das Cidades com o objetivo de educar o motorista a não utilizar o celular enquanto estiver ao volante.

      Ao ser baixado e instalado, imediatamente a primeira tela traz instruções de como usar e configurar o aplicativo. Essa tela aparecerá apenas uma vez.

      Para usar, basta acionar a tecla INICIAR. Pode-se escolher em delimitar o tempo de bloqueio das chamadas, de acordo com o trajeto do motorista.

      Por exemplo, se o motorista sabe que irá chegar ao seu destino em 30 minutos, poderá programar o celular para não receber as chamadas durante esse período.

      A mensagem enviada pode ser personalizada pelo motorista, mas o SMS padrão é: “ESTOU DIRIGINDO NO MOMENTO. LIGO MAIS TARDE. Uma mensagem do DENATRAN.”

      Quanto ao recebimento de SMS, o aplicativo bloqueia as notificações de mensagem. Ou seja, se o motorista receber uma mensagem de texto, não será notificado, podendo visualizá-la assim que desabilitar o aplicativo. No entanto, quem enviou o SMS não recebe a notificação de que a pessoa está dirigindo.

      No ano passado, o Ministério lançou ainda o aplicativo Rotas das Cidades, que ajuda os motoristas a planejarem viagens pelas estradas brasileiras. A ferramenta fornece informações de condições de vias, clima, postos de combustível e socorro.

   

1º Tenente PM Fernando da Cunha Bachiega 

Bacharel em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública pela Academia de Polícia Militar do Barro Branco.

 

Fontes : http://www.denatran.gov.br/ultimas/20120224_carnaval.htm

https://market.android.com/details?id=apps_ topselling_free&cat=TRANSPORTATION&start =0&num=24

 





Compartilhe com seus amigos no Facebook

Atendimento:
18 3652-5511 / 3652-5679

Redação e Gráfica:
Av. Marginal Maria Chica, nº 1830 - CEP 16300-000 - Penápolis-SP

© 2019 Jornal Regional. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização do Jornal Regional.